Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2014

Metáfora do relógio

Trecho de "Ponto de Mutação" filme dirigido por Bernt Amadeus Capra, baseado no livro homônimo do cientista(e seu irmão)Fritjof Capra, publicado em 1983. Neste trecho, uma reflexão sobre a ideia de espaço-tempo e nossa concepção quanto ao funcionamento do mundo.

"Vocês podem ajudar a demolir minha escola, por favor?"

Por que uma criança ligaria para uma empresa de demolição pedindo para demolirem sua escola, e com os professores dentro? 
Mesmo que a ligação não seja real, compartilhamos o áudio com legendas neste espaço para que possamos refletir sobre o papel da escola e de todos nós, educadores, nos dias de hoje.

Quando a escola deixar de ser uma fábrica de alunos

Imagem
Por CATARINA FERNANDES MARTINS A escola de massas, onde um professor ensina ao mesmo tempo e no mesmo lugar dezenas de alunos, nasceu com a revolução industrial mas chegou ao século XXI. Em dois séculos, mudaram os estudantes, mudou a sociedade e mudou o mercado de trabalho. Quando mudará a escola?
Crianças sentadas em fila, olhando para a frente. Mãos cruzadas em cima da mesa, numa postura inerte. A secretária do professor fica no extremo esquerdo da sala de aula. Não está a ensinar. Os alunos têm uns capacetes de metal, ligados por uns cabos eléctricos a uma máquina onde o professor coloca uns livros. A função desse aparelho, compreende-se pela imagem, é a de extrair a informação dos manuais e introduzi-la directamente nos cérebros dos jovens, através da transmissão da energia eléctrica. Foi assim que os ilustradores franceses Jean Marc Cotê e Villemard imaginaram e retrataram a escola do ano 2000, num postal que era parte de uma série produzida para a Exposição Universal de Paris, em…

Qual o futuro do aprendizado?

No palco do TED2013, Sugata Mitra faz um desejo ousado para o TED Prize: ajudem-me a projetar a Escola na Nuvem, um laboratório de ensino na Índia, onde crianças podem explorar e aprender umas com as outras - usando recursos e monitoria da nuvem

Vines – Uma nova ferramenta narrativa dos jovens

Imagem
Por Cristiane Parente de Sá Barreto (*) Vocês se surpreenderia com o fato de se seis segundos serem, atualmente, o tempo máximo para denúncias, críticas, declarações de amor, paródias, humor, publicidade e até (pasme) notícia? Isso tem acontecido desde a criação do aplicativo Vine, que permite aos seus usuários criar e postar vídeos de seis segundos e que parece ser a nova moda dos jovens nas redes sociais.
Criado em julho de 2012, foi comprado pelo Twitter em outubro de 2012 e lançado oficialmente em janeiro de 2013. Enquanto o Facebook comemorava 10 anos em fevereiro de 2014 com 201, 6 bilhões de conexões desde 2004, o Vine comemorava seu primeiro aniversário em 24 de janeiro com 13 milhões de usuários e algumas histórias de sucesso: Em abril de 2013 ele já era o app mais baixado na Apple Store e chegou a ser listado na Times entre os 50 melhores aplicativos para Android.
Uma das características mais marcantes dos vines, além de seu “poder de síntese”, é a capacidade de tornar-se vira…

Alfabetización cinematográfica en Europa. El caso del British Film Institute

Imagem
El compromiso del British Film Institute (BFI) con la educación en cine y a través del cine ha ido más allá de ser un mero instrumento funcionarial: ha sido un agente activo en la construcción de una visión holística de su función pública.  Este informe del Gabinete de Comunicación y Educación analiza el caso de esta institución como promotora de la alfabetización cinematográfica. Informe: http://www.gabinetecomunicacionyeducacion.com/files/adjuntos/InformeBritishFilmInstitute.pdf Fonte: Gabinete de Comunicación y Educación (UAB)

Informe: Alfabetización mediática en Europa. El caso de “Éducation et Médias”

Imagem
Diferentes instituciones en Francia cuentan con una larga trayectoria en laeducación en medios (EM) y, especialmente, en la implicación de los actores del paisaje mediático francés para garantizar un buen consumo de medios por parte de la audiencia.
Este informe del Gabinete de Comunicación y Educación de la Universidad Autónoma de Barcelona (UAB) analiza el caso del Consejo Superior del Audiovisual Francés en la promoción de la alfabetización mediática. Informe: http://www.gabinetecomunicacionyeducacion.com/ files/adjuntos/Informeeducationetmedias.pdf Fonte: Gabinete de Comunicación/UAB

"Toys as a Language and Communication" é tema de congresso em Braga, em julho de 2014

Imagem
Acontece entre os dias 23 e 25 de julho na Faculdade de Filosofia da Universidade Católica Portuguesa, em Braga, o 7º International Toy Research Association World Congress com o tema Toys as a Language and Communication. As chamadas de trabalho foram estendidas até o dia 28 de fevereiro, assim como alguma proposta de painel.

Os resumos dos papers, paineis e posters devem ser enviados, em inglês, a Luisa Magalhães (itra2014abstracts@gmail.com) e estar ligados a uma das temáticas abaixo:

1 - Toys, signs and meanings 
2 - Toys as verbal and non-verbal language 
3 - Toys, narratives and metaphors 
4 - Toys as texts in spatial, historical and socio-cultural contexts 
5 - Toys creativity and design 
6 - Toys, gender and generations 
7 - Toys, education, health and environment 
8 – Toys and media: production, marketing, advertising and consumption 

9 - Toys, games and new technologies 

Preços da inscrição:
Early registration until 30 April 2014                                             250 Euros 
Late …

David Buckignham dará palestra no XIII Congreso Internacional de Formación del Profesorado

Imagem
XIII Congreso Internacional de Formación del Profesorado terá como tema "Investigar para acompañar el cambio educativo y social. El papel de la Universidad. O evento acontece na Universidad de Cantabria, em Santander/Espanha, entre os dias 20 e 22 de novembro de 2014.

Um dos pontos altos do congresso será a presença do professor e pesquisador David Buckignham, que dará uma conferência sobre a experiência de educação mediática no Reino Unido. O tema, inclusive, terá destaque no evento, com uma mesa de comunicações.

Veja abaixo os dias e momentos em que a educação para os meios será destaque:

Dia 20/11
16h30 às 18h30 - Mesa 2 (Comunicaciones): La influencia de los medios en la infancia y la juventud y su visibilidad en las escuelasEn este panel se abordarán trabajos que analizan la influencia de los medios (internet, uso de redes sociales, etc.) en la infancia y la juventud, así como su impacto en las escuelas. Podrán ser objeto de discusión, también, las experiencias educativas e inve…

RTP lança portal educativo com conteúdo voltado a Educação para os Media

Imagem
A rede de televisão RTP lançou no início de 2014 o Portal de Educação - Ensina.rtp.pt - que reúne vídeos, áudios, fotos, textos e infografias produzidos pelo serviço público de rádio e televisão portuguesa nos últimos anos, além de disponibilizar uma área infantil onde se pode encontrar músicas, jogos e vídeos. O objetivo é tornar acessível seu conteúdo a alunos e educadores do ensino básico e secundário. É possível encontrar no Ensina documentários com grande relevância para determinadas matérias escolares. O portal foi otimizado para funcionar nos vários dispositivos – PC, tablet e smartphone – e está suportado na cloud.
Os conteúdos estão divididos em rubricas como Artes, Ciência, Cidadania, História, Português, Conhecer a RTP e, o que é melhor para quem trabalha com o tema, Educação para os Media.

Site: ensina.rtp.pt Facebook: www.facebook.com/ensinartp

Qual o poder das redes sociais?

Imagem
No dia 7 de fevereiro a RTP, no Programa Sociedade Civil, levantou a discussão sobre o poder das redes sociais tendo como convidados debatedores a professora e investigadora do Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (CECS) da Universidade do Minho, Emília Araújo; o jornalista Daniel Catalão, especialista em novas tecnologias e Tito Morais, do projeto "Miúdos Seguros na Net", entre outros.

Veja o vídeo no link http://www.rtp.pt/play/p1043/e143313/sociedade-civil-viii

Florianópolis será sede de dois eventos educomunicativos em maio

Imagem
III Colóquio Iberoamericano de Educomunicação (CIEDUCOM) e o IV Colóquio Catarinense de Educomunicação (CCEducom) acontecem em Florianópolis, de 6 a 9 de maio, na Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) - Centro de Ciências Humanas e da Educação - FAED (Av.Madre Benvenuta, 2007, Itacorubi, Florianópolis/SC).

A Associação Brasileira de Pesquisadores e Profissionais em Educomunicação - ABPEducom será uma das apoiadoras do evento.

O envio de trabalhos pode ser feito até 14 de março e a informação sobre aceite será dada no dia 7 de abril. A palestra de abertura do evento será com o pesquisador Guillermo Orozco Gómez.



Mais informações em: http://educomfloripa.blogspot.pt/p/coloquio-2014.html

Chamada de trabalhos para I SIACOM — I Seminário Iberoamericano de Estudos e Pesquisas em Comunicação e Moda: Estéticas Contemporâneas

Imagem
Está aberta até 16 de fevereiro a chamada de trabalhos para o I SIACOM — I Seminário Iberoamericano de Estudos e Pesquisas em Comunicação e Moda: Estéticas Contemporâneas. O evento terá lugar nos dias 11 e 12 de abril, na Universidade do Minho (Braga) e é organizado conjuntamente pelo Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (CECS), pela Associação Brasileira de Estudos e Pesquisas em Moda (ABEPEM) e pelo Centro de Pesquisas Sociossemióticas (CPS - PUC- S.P.). 

O dia 11 será dedicado à apresentação e à discussão de comunicações e o dia 12 à realização de workshops.

São objetivos do I SIACOM a promoção do debate sobre as mudanças relativas ao pensamento estético no contexto da cultura contemporânea e à sua transdução em novas práticas, formas e possibilidades imagísticas no campo da moda.

Datas importantes:
Chamada de trabalhos: até 16 de fevereiro
Notificação de aceitação: 10 de março
Prazo para entrega do texto integral: de 11 de março a 28 de março
Inscrições: até 31 de março
Línguas of…

IV Congresso Internacional em Estudos Culturais tem conferência de abertura com Martín-Barbero

Imagem
O IV Congresso Internacional em Estudos Culturais - Colonialismos, Pós-Colonialismos e Lusofonias acontece de 28 a 30 de abril de 2014, no Museu de Aveiro (Santa Joana). Martín-Barbero profere a conferência de abertura do evento e Boaventura de Sousa Santos a de encerramento.

O congresso é organizado pelo doutoramento em Estudos Culturais, da responsabilidade conjunta das universidades de Aveiro e do Minho, bem como do Centro de Estudos em Comunicação e Sociedade (CECS) da UMinho.
Informações: www.comunicacao.uminho.pt/cecs  http://estudosculturais.com/congressos/ivcongresso

Das Rádios Piratas às Rádios Locais, 25 anos depois da legalização

Imagem
Terá lugar às 21h30 do dia 13 de fevereiro a tertúlia Das Rádios Piratas às Rádios Locais, 25 anos depois da legalização, na Livraria Centésima Página, em Braga, com a intervenção de António Durães (ator e co-fundador da Rádio Universitária do Minho), Luís Miguel Loureiro (jornalista da RTP, ex-jornalista de rádio) e Francisco Amaral (autor do programa Íntima Fracção, da Antena1). 
Os convidados vão recordar a transição das rádios piratas para as rádios locais, na sequência da promulgação da Lei que viria a regular o setor em 1988. Com moderação de Ana Isabel Reis, investigadora do projeto Estação NET, os intervenientes vão discutir ainda alguns dos desafios que a digitalização e a Internet apresentam ao universo das rádios locais da atualidade. 
Durante este evento, vai ainda ser divulgado o vencedor do concurso Produções Radiofónicas - Estação NET, uma iniciativa que pretendeu contribuir para um maior envolvimento dos estudantes do ensino superior e secundário no universo das criações…

As crianças já absorveram as regras para uma Internet mais segura, mas isso pode ser um problema

Imagem
Doutoramento de investigadora da Universidade do Minho debruça-se sobre os usos que as crianças fazem das tecnologias e mostra que estas são hoje um factor central das suas vidas. (Samuel Silva - Público)

Evitar contactos com estranhos ou conteúdos sexuais na Internet são advertências comuns para as crianças. E estas parecem já ter absorvido este discurso depois da mediatização das regras para uma utilização mais segura dos meios digitais nos últimos anos. Foi isso que descobriu a investigadora Ana Francisca Monteiro, na sua tese de Doutoramento feita na Universidade do Minho sobre os usos que os mais novos fazem das tecnologias. Mas isso até pode ser contraproducente, avisa a autora: há outros perigos da utilização das tecnologias que estão a ser deixados para segundo plano.

“Já todos sabem que quem está a falar com eles do outro lado da rede pode não ser quem diz ser e pode ser arriscado um encontro pessoal com essa pessoa”, conta Ana Francisca Monteiro. A pornografia também só vem à …

Adeus às novelas

Imagem
Em visita ao Brasil no começo de 2013 para ministrar cursos a roteiristas da Globosat, autora de "Friends" diz que séries substituirão as novelas na TV brasileira. Confira artigo de João Fernando publicado no Estadão, em 15/03/2013, sobre o tema. 

Por João Fernando
"Assim como acontece com as novelas, parece que a maioria das séries de vocês têm uma ideia limitada. Nos EUA, a primeira coisa que você se pergunta  é: isso pode durar cinco ou dez anos? De onde virão outras histórias? Essa será a mudança", analisa a autora, que não se lembra do nome das atrações que viu. "Uma era sobre uma família e a outra era uma coisa policial", conta. Questionada se o segundo programa era o seriado Força-Tarefa (Globo), ela concorda.
Em uma palestra aos roteiristas, na terça passada, ela reforçou a opinião de que as tramas da noite estão com os dias contados. "Direi coisas que vão deixá-los tristes. A telenovela não vai ser o primeiro gênero de entretenimento, não vai f…

Critical Thinking: Educating Competent Citizens

Imagem
We are becoming increasingly aware of the need to analyze the enormous amount of information we receive every day.  This information helps us in our cognitive development and participates in the construction of our patterns of perception of reality. In the case of children and young people, these patterns are in continual development. Critical thought is a cognitive process that proposes the systematic analysis of information, opinion and statements that we accept in our daily life as valid or true. It is a basic skill for a competent, free and responsible citizen. It is not about questioning every information we get everyday, it is about being critical with the information that is relevant to us when we make up an opinion about something. To educate an individual in critical thinking implies educating him or her in the ability to make decisions. It implies that students do not accept opinions or statements as valid without submitting them to their own analysis and as such, to their cons…

Professor cria game para estimular leitura de notícias

Imagem
Alunos do ensino médio precisam descobrir notícias de diversos países em troca de pontos na média

Diante da dificuldade de despertar o interesse dos alunos por notícias, 
um professor norte-americano desenvolveu, em 2009, uma ferramenta 
chamada Fantasy Geopolitics. Baseado no conceito de gamification, o 
app começa com uma sessão na qual estudantes podem selecionar um 
time de três países (exceto Estados Unidos e China, devido à vasta 
quantidade de notícias) e então os jogadores rastreiam histórias sobre 
os países selecionados e ganham pontos por isso. Esse bônus podem 
servir para aumentar a média final do aluno.
“Quando comecei a ensinar, o estudante típico da nona série parecia
um zumbi”, afirmou Eric Nelson em entrevista ao Mashable. O professor 
de Minnesota diz que a ideia surgiu a partir do jogo Fantasy Football. 
Por meio do Times Developer Network API, oferecido pelo New York
Times, ele criou um site que rastreia quantas vezes um país é mencionado 
nas notícias.
O jogo foi aceito no prog…

Educomunicadores trabalharão na formação de educadores na SME

Imagem
A Secretaria Municipal de Educação (SME) de São Paulo contratou formadores para a realização de ações de formação continuada destinada aos educadores e profissionais da Rede Municipal de Ensino que atuarão em projetos desenvolvidos no âmbito do Programa Nas Ondas do Rádio. 

A contratação possibilitará aos educadores da Rede formação em diversos temas da Educomunicação, inclusive implementação de projetos que subsidiarão o Programa mais Educação São Paulo, nas atividades de ampliação da jornada escolar. 

Como meta, os cursos de formação poderão atender 1.000 professores da rede. Para isto, os cursos serão oferecidos em todas as regiões da cidade e contemplarão todas as linguagens de comunicação como rádio, vídeo, cinema, fotografia, HQ, fanzine, jornal, blog e redes sociais, além de cursos presenciais e à distância de Gestão de Projetos e Imprensa Jovem. 

Para Carlos Lima, coordenador do Programa, “a formação educomunicativa permitirá um trabalho com projetos focado no desenvolvimento de …